Vilão da semana – Kurgan

Cinéfilos de plantão devem reconhecer este indivíduo, cuja má-fama retrocede uns 27 anos na história do cinema.

kurgan-scot-still-01O vilão da vez é Kurgan, o antagonista principal do filme Highlander (1986), dirigido por Russel Mulcahy e estrelado por Christopher LambertSean Connery. No filme, o ator Clancy Brown deu vida ao temido algoz cuja disposição e sede por cortar cabeças atravessou séculos da história.

No filme, Kurgan surge como um dos inimigos do clã McLeod, um povo nativo do norte da Escócia, cujas batalhas por território acabam por entrar em conflito com sua tribo de bárbaros. Durante o combate, Connor McLeod percebe que seus oponentes, estranhamente, evitam atacá-lo a todo custo, logo descobrindo que esse fato tinha relação com ter sido “jurado” pelo que aparenta ser o líder dos inimigos de seu povo.

Em uma sequência de cenas que marcou a muitos, até aqueles que não são fãs do filme, Connor é atacado por Kurgan, que o atravessa com sua espada longa, e, antes que pudesse desferir o golpe que decapitaria o escocês, o vilão é cercado e impedido pelos aliados de McLeod.

Highlander-Kurgan-Kills-Duncan

Tempos depois, o imortal Juan Sánchez Villa-Lobos Ramírez ensina a Connor sobre a imortalidade e os princípios dos duelos a que os imortais se predispõem, em seguida relatando em detalhes o histórico acerca do implacável e cruel guerreiro bárbaro que combateu o clã McLeod: nas palavras de Ramírez, Kurgan nasceu nas frias estepes da Rússia, em meio a uma família de rufiões sanguinolentos que o ensinaram a lutar assim que aprendeu a andar. Seu povo cruel cultivara hábitos infanticidas, o que apenas reforçou sua educação de valores que desprezam a vida e todas as virtudes, tendo apenas o sadismo e a sanguinolência como referências. Kurgan logo tomou conhecimento sobre sua imortalidade e sobre os duelos, e assim, mais do que naturalmente, passou a desejar o Prêmio, conquistado pelo imortal que decapitasse a todos os outros imortais espalhados pelo mundo.

Kurgan 180pxDurante o filme, Kurgan é retratado de modo espetacular (pelo menos em minha opinião) por Clancy Brown, conferindo uma presença pervertida e um apelo visual ameaçador ao vilão, o que serviu de inspiração para muitos mestres de RPG naquela época, principalmente para aqueles que gostavam de massacrar ou intimidar o grupo de jogadores. Grande parte do estímulo era proveniente do princípio do filme, cuja ambientação se passa por volta do final da Idade Média (meu período histórico favorito). 

Além do aspecto inspirador, Kurgan também destaca-se nas cenas das quais participa, mesmo sendo tão poucas em comparação aos outros personagens da narrativa. Uma de minhas preferidas é o diálogo que ele trava com Connor McLeod, já em 1985, dentro de uma igreja católica em Nova York: seu menosprezo pela religiosidade e deboche aos sacerdotes ali presentes são maus comportamentos reprovados e logo “admoestados” por McLeod, que o ameaça com o duelo, proibido naquele lugar sagrado. O diálogo marcado pelas frases desdenhosas de Kurgan só pontuam sua caracterização desafiadora, colocando-o no patamar (merecido) de um antagonista memorável (e digno de ser posto na ponta de uma lança!).

highlander-brown

“Another time, Macleod!”

Fontes:

http://www.internationalhero.co.uk/k/kurgan.htm

http://en.wikipedia.org/wiki/The_Kurgan

http://pt.wikipedia.org/wiki/Kurgan_(Highlander)

http://en.wikipedia.org/wiki/Highlander_(film)

http://en.wikipedia.org/wiki/Juan_S%C3%A1nchez_Villa-Lobos_Ram%C3%ADrez

Sobre Rodrigo Bazílio

Apenas um professor de Língua Portuguesa e Literatura do Ensino Médio, com o hábito quase vicioso de aliviar o estresse com jogos eletrônicos, música, leitura, RPGs e com a arte de pintar miniaturas. Ver todos os artigos de Rodrigo Bazílio

5 respostas para “Vilão da semana – Kurgan

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

The Truth's For Sale

RPG, Literatura (de segunda) e Escapismo

Oblivion RolePlaying Group

Grupo de RPG Ribeirão Pretano (Storyteller, d20)

4cantosdomundo

Fatos e fotos de um casal apaixonado por viagens

Deu Branco!

Um pouco de tudo... De tudo um pouco... Embarque logo pois o Gerador de Improbabilidades Infinitas já foi acionado!

Cooltural

Literatura, cinema e afins!

ZUADA!

Muita Nerdice por Nada

palavrasonolenta

Palavras escritas enquanto o sono não vem ou em decorrência dele.

Além dos muros

Escola Benedito Cláudio da Silva por uma aprendizagem inclusiva

Além da Imaginação

Ficção Científica | Fantasia | Role Playing Games

Xanafalgue

This WordPress.com site is the cat’s pajamas

Batman Guide

Guia de leitura para entender o Homem-Morcego!

Mundos Colidem

RPGs, Boardgames, Cinema, Quadrinhos, Bobagens

Anime Portfolio

O ogro azul dos fãs de anime e mangá...

The RPG Athenaeum

A repository of Dungeon Mastering commentary, suggestions and resources

.ShismeniaOliveira.

Notícias,críticas,idéias.

Deixe escapar a emoção

Fabiana Oliveira

CADÊ MEU WHISKEY?

Um blog pra quem curte boa música e outras coisas...

RPGPlug

Plugue-se no RPG

%d blogueiros gostam disto: